(31) 3555-1188 ver.tarcisiocaixeta@cmbh.mg.gov.br

TRAJETÓRA DE TARCÍSIO CAIXETA

Tarcísio Caixeta cumpre o quarto mandato como vereador de Belo Horizonte.

Engenheiro de Minas com especialização em Engenharia Sanitária e Engenharia de Segurança, iniciou sua militância política ainda estudante, na UFMG. Já naquela época, participou da reorganização do movimento estudantil em um momento da história brasileira em que as universidades se tornaram uma importante trincheira na luta pela conquista das liberdades democráticas.
 
Concluída a graduação, trabalhou como professor e tornou-se dirigente do Sindicato dos Professores do Estado de Minas Gerais (Sinpro-MG) e do Sindicato dos Engenheiros no Estado de Minas Gerais (Senge-MG). Com a vitória das forças democráticas e populares em Belo Horizonte, tornou-se Secretário de Indústria e Comércio do prefeito Patrus Ananias. Na administração Célio de Castro, foi convidado a assumir a Superintendência de Desenvolvimento da Capital (Sudecap), quando esteve à frente de importantes projetos de infraestrutura.
 
Como presidente da Companhia Urbanizadora e de Habitação de Belo Horizonte (Urbel), estreitou o diálogo com a população para identificar soluções urbanas que beneficiassem, sobretudo, os mais pobres, e trabalhou pela implantação do Orçamento Participativo da Habitação. Comprometido com a ética, a transparência e a defesa dos direitos sociais, elegeu-se vereador pela primeira vez em 2000.
 
Em sua trajetória parlamentar, foi vice-presidente da Câmara nos anos de 2005 e 2006, líder dos prefeitos Célio de Castro, Fernando Pimentel e Márcio Lacerda e esteve à frente da bancada de seu partido em duas oportunidades.
 
Presidiu a Comissão Especial de Informática – quando defendeu a adoção de políticas públicas voltadas para a área da Tecnologia da Informação que resultaram na instalação do parque tecnológico BH TEC –, Comissão de Meio Ambiente e Política Urbana e Comissão de Saúde e Saneamento, além de ter proposto a criação da Comissão de Participação Popular, para tornar o Legislativo municipal mais transparente e próximo da população.
 
Também foi responsável pela lei que instituiu o Serviço de Engenharia e Arquitetura Públicas, para possibilitar a regularização de moradias em vilas e favelas. No mandato atual, foi membro da Comissão de Orçamento e Finanças Públicas e atualmente é membro efetivo das comissões de Participação Popular e de Meio Ambiente e Política Urbana. No Legislativo municipal Caixeta trabalha para que BH se torne uma cidade sustentável e mais justa.