(31) 3555-1188 ver.tarcisiocaixeta@cmbh.mg.gov.br

Caixeta participa de seminários com estudantes de São Gotardo e Viçosa

Alunos do curso de Engenharia de produção e profissionais de São Gotardo e alunos da Universidade Federal de Viçosa (UFV) receberam o vereador Tarcísio Caixeta em encontros para discussões sobre a engenharia no Brasil.

Em São Gotardo, foi abordado o tema “O mercado de trabalho para os profissionais de engenharia”. A reunião foi realizada no auditório do Centro de Ensino Superior de São Gotardo (CESG), onde Caixeta foi recebido pelo reitor professor João Eduardo Lopes Queiroz.

Em outro encontro produtivo, Caixeta, que é coordenador do Crea – Minas Junior, proferiu palestra para estudantes e professores de  Viçosa, no campus Rio Paranaíba da UFV, onde falou sobre “A importância da engenharia no desenvolvimento de Minas e do Brasil”. O encontro marcou, também, a eleição do Crea – Minas Junior – Núcleo Rio Paranaíba, com a participação de mais de 150 alunos.

Mercado de trabalho é tema de palestra de Caixeta na Faculdade Pitágoras

Convidado pela Faculdade Pitágoras, Tarcísio Caixeta participou de um grande seminário na unidade Raja, que teve como tema “A engenharia no mercado de trabalho”. Cerca de 300 estudantes, além de profissionais do Crea-MG e representantes do Crea-Minas Júnior, do qual Caixeta é coordenador, marcaram presença. Durante palestra Caixeta ressaltou aos estudantes que “são boas as chances de empregabilidade no mercado de trabalho para os jovens engenheiros que investem na carreira”.

(Da esquerda para a direita) Josias G. Ribeiro Filho, diretor de Relações Institucionais do CREA-MG; Rose Mary Rosa de Lima, coordenadora dos cursos de Engenharia Elétrica e de Controle e Automação; Lucimar Alves Fonseca, Coordenadora de Carreiras; Jefferson Davis Pena Caria, professor dos cursos de Engenharia Elétrica, Controle e Automação e Mecânica; Alfredo Marques Diniz, conselheiro e coordenador.

(Da esquerda para a direita) Josias G. Ribeiro Filho, diretor de Relações Institucionais do CREA-MG; Rose Mary Rosa de Lima, coordenadora dos cursos de Engenharia Elétrica e de Controle e Automação; Lucimar Alves Fonseca, Coordenadora de Carreiras; Jefferson Davis Pena Caria, professor dos cursos de Engenharia Elétrica, Controle e Automação e Mecânica; Alfredo Marques Diniz, conselheiro e coordenador.

Moradores do bairro Olaria comemoram asfaltamento conquistado com apoio de Caixeta

Moradores da rua Bela Emília, no bairro Olaria, receberam o vereador Tarcísio Caixeta, no último fim de semana, para comemorar e agradecer o apoio do gabinete na conquista do asfaltamento da via, após mais de 30 anos de espera. “Fruto da luta da comunidade, rua agora está mais bela. O asfalto novo do recapeamento traz mais conforto aos moradores e região. Parabéns a todos!”, diz Caixeta.

 

Em Diamantina, Caixeta é recebido por representantes do Crea – Minas Junior

Coordenador do Crea – Minas Junior, Tarcísio Caixeta foi recebido pelos jovens estudantes de engenharia em Diamantina, durante o XI Seminário Jovens Lideranças , realizado de 16 a 18 de maio.  Caixeta dividiu a mesa com o ex-presidente do Crea – MG, Gilson Queiroz, e o atual presidente da entidade, Jobson Andrade.

Cerca de 200 jovens dos núcleos Crea – Minas Junior de várias partes do estado e do país marcaram presença. O ponto alto do evento foi a palestra do economista Paulo Bretas, sobre a realidade econômica do Brasil. Caixeta destaca ainda, a participação dos empresários Teodomiro Diniz Camargo e Paulo Henrique Vasconcelos, “pelas apresentações brilhantes”.

Realizado na Prefeitura Municipal de Diamantina, o tema em debate foi “O papel do líder na construção de legado”.  O evento, que é anual, tem como objetivo reunir os membros dirigentes do grupo Crea – Minas Junior para discutir temas específicos  e alinhar as informações com  representantes de todos os núcleos de Minas Gerais.

Comunidade do bairro Aparecida discute medidas para áreas de risco

Com o objetivo de prevenir transtornos e acidentes em época de chuva, o vereador Tarcísio Caixeta participou de uma reunião com a comunidade do bairro Aparecida, região Noroeste da capital, e representantes da Prefeitura de Belo Horizonte, no dia 8 de abril. Durante o encontro, foram discutidas medidas emergenciais a serem empreendidas nas áreas de risco do bairro.  Em um encontro posterior, Caixeta levou as reivindicações dos moradores ao prefeito Marcio Lacerda. O vereador lembra que, nas últimas chuvas várias famílias tiveram suas casas inundadas e perderam todos os seus pertences. “Há mais de dois anos temos insistido com a Prefeitura de Belo Horizonte para tomar providências na passagem de pedestres, cujo enorme risco de desabamento sobre as moradias se vê pelas fotos. É preciso que se tomem medidas rápidas antes que algo mais grave aconteça”, reforça Caixeta.

No Dia do Trabalhador, Caixeta prestigia eventos no Taquaril e SINDEAC

Em clima de festa, os participantes e organizadores da Corrida de Boteco receberam o vereador Tarcísio Caixeta durante a sexta edição do evento, realizada no dia 1º de maio.  Caixeta também prestigiou a festa do Dia do Trabalhador do Sindicato dos Empregados em Edifícios e Condomínios e dos Empregados em Empresas de Asseio e Conservação de Belo Horizonte (Sindeac). O vereador foi recebido pela diretoria do sindicato e seu presidente, Paulo Roberto, que falou aos associados sobre a história de luta dos trabalhadores no mundo.

No Taquaril, a Corrida de Boteco reuniu cerca de 250 pessoas, que também participaram de uma confraternização. “A Corrida não é uma competição, mas um momento de integração e lazer para os moradores do Taquaril e Alto Vera Cruz”, afirma José Aparecido Ferreira, o Zezé, que organiza o evento, ao lado dos amigos Dezinho e Neco.

Caixeta visita Coromandel e Patrocínio, que completou 172 anos

Em visita a Coromandel, em 3 de maio, o vereador Tarcísio Caixeta reencontrou amigos, como Paulo Moura, e várias lideranças da cidade. O encontro reuniu, também, amigos patrocinenses, entre eles o ex-prefeito Amâncio Silva e o ex-vice-prefeito Fausto Amaral. De Coromandel, Caixeta seguiu para Patrocínio, onde também reencontrou amigos e lideranças comunitárias. Em homenagem ao aniversário da cidade, que completou 172 anos em 7 de abril, Caixeta ressaltou seu respeito e carinho pela terra natal. “Foram várias gerações que deram o melhor de suas vidas na construção de uma cidade que acolhe, trabalha e realiza o sonho de todos nós. É com saudade de vários de nossos entes queridos que me lembro dos melhores tempos de minha vida. Se é grande o carinho com a Belo Horizonte que me acolheu, não é menor o orgulho de ser patrocinense. Parabéns Patrocínio!”

Caixeta saúda conquista de catadores de recicláveis

“Estes equipamentos nos permitirão estender a coleta para além da região central de Belo

Caixeta cumprimenta a presidente da Associrecicle-BH, Fabiana da Cruz Ovídio

Caixeta cumprimenta a presidente da Associrecicle-BH, Fabiana da Cruz Ovídio

Horizonte e ampliar nossos ganhos. É uma conquista que vai facilitar muito o trabalho e a vida dos catadores”. Assim Fabiana da Cruz Ovídio, presidente da Associação dos Recicladores de Belo Horizonte (Associrecicle-BH), comemorou a entrega, no dia 12 de dezembro, de um caminhão baú, uma Kombi, balança, prensa e trituradores de vidro e papel conquistados através de convênio com a Fundação Nacional de Saúde (Funasa), órgão do governo federal.

Segundo ela, esta é a primeira vez que a Associrecicle-BH é contemplada com equipamentos repassados pelo poder público que, juntos, somam R$ 219.402,38.

Presente na entrega dos equipamentos, o vereador Tarcísio Caixeta (PT) – cujo mandato é parceiro há vários anos da Central Cooperativa Rede Solidária dos Trabalhadores de Materiais Recicláveis de Minas Gerais (Redesol/MG) – saudou a conquista. “Os catadores de recicláveis desempenham um papel importantíssimo para a cidade de Belo Horizonte. Com o seu esforço diário, eles contribuem para tornar a cidade mais limpa e saudável para todos. Parabéns à Associrecicle-BH por ter se mobilizado e conquistado estes equipamentos, que vão contribuir muito para ampliar a coleta”, disse.

Ele também parabenizou a Funasa pela sensibilidade em apoiar o trabalho dos catadores. “Quando o poder público se propõe a ajudar quem verdadeiramente precisa, todos ganham. Parabéns também à Funasa pela contribuição dada aos catadores e a Belo Horizonte”, acrescentou.

Caixeta apoia escola profissionalizante em Santa Tereza

O vereador Tarcísio Caixeta (PT) é favorável ao projeto da escola profissionalizante que a Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg) quer instalar no mercado distrital de Santa Tereza, por meio do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai). “O mercado é um equipamento importante do bairro e da cidade, que precisa ser requalificado e revitalizado já há vários anos”, opina.

Caixeta aponta outras duas razões para apoiar o projeto. “Além de abrir espaço para que a juventude se qualifique para o primeiro emprego, a escola estará integrada a outras atividades adequadas às características do bairro, uma vez que projeto também prevê a construção de teatro de arena, praça de esportes, feira de artesanato, playground e lanchonete”, observa.

Segundo a Fiemg, a escola deverá capacitar quatro mil alunos/ano e será mais um instrumento para a expansão, em Belo Horizonte, do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), com o qual o governo Dilma tem ampliado de forma substantiva a oferta de cursos de educação profissional e tecnológica no país – em novembro, o programa atingiu a marca de 5,5 milhões de matrículas.

Requalificação

Caixeta ainda observa que o projeto não abre espaço para a verticalização do bairro, conforme os críticos da iniciativa têm apontado. “O projeto propõe apenas a requalificação do espaço. Ou seja, tanto a altimetria quanto a volumetria atuais serão mantidas”.

Ele também não acredita que a escola trará impactos significativos para o trânsito na região. “É inegável que haverá um incremento, mas a instalação de um equipamento desta natureza deve prever melhorias de acesso e estacionamento. Por outro lado, se levarmos em conta que são jovens que estarão buscando se qualificar, não creio que teremos um movimento tão grande de pessoas a ponto de inviabilizar o tráfego”.

De acordo com o projeto, a escola funcionará em três turnos, cada um com 300 alunos.

17-12-2013_santa_tereza

Com o apoio de Caixeta, moradores da Vila São Rafael fundam associação

Assessores do mandato se reúnem com o líder comunitário Orlando Francisco de Menezes (à esq.) para tratar da regularização da entidade

Assessores do mandato se reúnem com o líder comunitário Orlando Francisco de Menezes (à esq.) para tratar da regularização da entidade

“Trata-se de uma conquista da maior importância para todos nós, que, desde 1995, vínhamos lutando pelo reconhecimento jurídico da organização que construímos ao longo destes anos”, afirma o líder comunitário Orlando Francisco de Menezes (Cassetete). “A partir de agora, teremos ainda mais força para buscar os benefícios sociais de que a Vila São Rafael tanto necessita”, acrescenta. Uma confraternização marcada para a noite desta sexta-feira, na Escola Municipal São Rafael, reunirá os moradores para a comemoração da conquista.

Moradias

Em outubro, um projeto de construção de 20 unidades habitacionais foi apresentado aos moradores da Vila São Rafael após audiência promovida por Caixeta para que lideranças comunitárias fossem informadas sobre o cronograma de obras previstas para a região leste da capital.

A obra havia sido aprovada no Orçamento Participativo 2010/11 e os moradores aguardavam o seu anúncio. Segundo a prefeitura, serão erguidas quatro unidades por andar, com três quartos cada, além de sala, cozinha, banheiro, área de serviço e varanda. A construção deverá ser iniciada em março do próximo ano.